How to study the processes of PMBOK

How to study the processes of PMBOK

During my preparation for the exam, I spent much time researching and studying the processes of the PMBOK.

Developed through the book of Rita a game that can be used for what you want make sure CAPM or PMP.

The game consists of you drag the processes for groups of separate processes for lifecycle of the Project.

LINK to Game

How to study the processes of PMBOK

How to study the processes of PMBOK

 

I created a spreadsheet with several formulas that sanctioned all but the end was so complex it was very hard to validate that all procedures were correct.

By February I decided I would ride WEB something that could help other students.

I am not good at programming, but I can say that everything is already almost done, and what has not, you can find videos on youtube explaining.

Some issues of certification exam requires knowledge of the inputs, tools and outputs of the processes.

Remember you do not need to memorize but understand where each process relates. Link to the Game.

Como estudar os processos do PMBOK

 

Durante a minha preparação para o exame, gastei muito tempo pesquisando como estudar os processos do PMBOK.

Esse joguinho pode ser utilizado para você que pretende se certificar CAPM ou PMP.

Criei um planilha com várias fórmulas que validavam tudo, mas no final ficou tão complexa que ficou muito difícil validar se todos os processos estavam corretos.

Por volta de Fevereiro decidi que iria montar algo WEB que pudesse ajudar os demais estudantes.

Eu no começo pensei em criar em Flash, mas com o avanço da Web decidi após longas pesquisas criar joguinho utilizando o jquery.

Não sou bom em programação, mas posso dizer que tudo já vem quase pronto, e o que não vem, você encontra vídeos no youtube explicando.

Algumas questões da prova de certificação exigem o conhecimento das entradas, ferramentas e saídas dos processos.

Lembre-se você não precisa decorar e sim entender onde cada processo se relaciona.

Exemplo de uma questão da prova de certificação:

Está no final da execução do projeto de construção de novo dispositivo móvel. O trabalho foi realizado, e os trabalhadores estão prontos para empacotar seus equipamentos. O Gerente de projeto e o patrocinador do projeto vieram com especialistas para verificar se cada solicitação foi cumprida, e se todo o trabalho na EAP foi desenvolvido. Que processo está sendo realizado?

A)Verificar o escopo;

B)Controlar o escopo;

C)Garantir o escopo;

D)Definir o Escopo;

 

Clique aqui para acessar o joguinho.

 

 

Estudar Processos PMBOK

Estudar Processos PMBOK

Material para tirar a certificação PMP

Material para tirar a certificação PMP

Algumas pessoas me perguntam qual material eu utilizei para passar na prova PMP.

Recomendo que você leia também:

Simulado PMP – Gerenciamento das Aquisições

Como tirar a certificação PMP em menos de 2 meses

Eu praticamente utilizei os melhores livros disponíveis.

1) Guia de Melhores Práticas de Gerenciamento de Projetos PMBOK.

2) Preparatório para o exame de PMP – Rita Mulcahy.

3) Gerência de Projetos – Guia para o exame oficial do PMI – Kim Heldman

4) Use a Cabeça PMP

livros

 

Como eu utilizei cada um:

Eu tentei ler um de cada vez mais como o prazo era curto, decidi ler por processo.

Eu seguia a seguinte ordem:

Dia 1 – Leitura do Processo X do PMBOK.

Leitura do mesmo processo no livro da Rita.

Leitura do mesmo processo no livro da Kim.

Dia 2 – Como revisão do dia anterior eu lia o Use a Cabeça.

Leitura do processo Y do PMBOK.

Leitura do mesmo processo no livro da Rita.

Leitura do mesmo processo no livro da Kim.

Posso dizer que o livro da Rita foi o melhor devido a didática utilizada, o Livro da Kim possui uma didática diferente, mas através das histórias me ajudava a memorizar e o Use a Cabeça é muito bom porém como estava lendo seguidamente identifiquei que o livro não  aborda todos os pontos como os outros.

O melhor capítulo dele é o Gerenciamento de Custo onde apresenta alguns exercícios que são muito similares a prova.

Minha dica é pesquise antes de sair comprando, se precisar de alguma ajuda, entre em contato.

 

 

 

Como eu passei na Certificação PMP

Como eu passei na Certificação PMP

Já faz algum tempo desde a última vez que eu postei aqui.

Dei uma parada com os posts pois precisava focar nos estudos para a certificação.

No dia 24 de Junho, consegui passar no exame de certificação PMP.

Fernando Kumasaka PMP

Quem me acompanha sabe que eu já iniciei e parei umas 04 vezes os estudos para a certificação PMP, mas dessa vez a coisa foi diferente. A grande verdade é que não tinha para onde correr, já tinha perdido todo o estudo com a mudança do Guia PMBOK 2004 para Guia PMBOK 2008, não entrava na minha cabeça a idéia de ter iniciar os estudos novamente.

Qual foi o grande diferencial para o exame PMP?
Foquei no material que já tinha e parei de ficar pesquisando na Internet. Durante as minhas pesquisas encontrei fórmulas erradas em um blog e conselhos que não faziam muito sucesso em outro.

Todos os sites que eu acompanhei e amigos que fizeram o exame nunca disseram que a prova não era um bicho de 7 cabeças. Eu sinceramente não sei se passei por uma questão ou se foi por cinqüenta, mas a grande realidade é que o exame estava fácil.

Fácil para quem dedicou horas de estudos,

Fácil para quem deixou de assistir televisão e aproveitou para rever o material,

Fácil para quem fez cartões de anotações e lia durante o trânsito de SP.

Eu fiz a prova com uma grande amiga, infelizmente ela não conseguiu o saldo positivo, porém também saiu com o sentimento de que a prova estava fácil.

Se você pretende fazer a prova me acompanhe pois irei realizar uma série de posts com dicas para a certificação PMP.

Desejo a todos boa sorte.

Resumo Certificação PMP Gerenciamento de Custos

Resumo Certificação PMP Gerenciamento de Custos

CAPÍTULO 7 – Gerenciamento de Custos

 

visaogeral

Geralmente há cerca de 12 questões sobre valor agregado no exame e apenas seis dessas questões exigem cálculos de valor agregado. O gerenciamento de valor agregado é um bom exemplo de uma ferramenta que pode ser usada tanto para tempo quanto para custos.

 Processos do Gerenciamento de Custos

  •  Estimar os Custo
  •  Determinar o Orçamento
  •  Controlar os Custos

O capítulo Gerenciamento do Tempo discute a identificação de atividades como componentes menores dos pacotes de trabalho. Em muitos projetos, as atividades são usadas para criar estimativas de custos. Porém, em alguns projetos maiores, pode ser mais prático estimar e controlar os custos em um nível diferente. Esse nível chamado de conta de controle, que é superior ao nível do pacote de trabalho da EAP.

Lembre-se que controlar significa medir. Ao fazer o exame, pressuponha que gerente de projetos está medindo, medindo e medindo o projeto, mesmo se você não fizer isso em seus projetos. Medições ajudam a verificar se há alguma variação. Em seguida, é possível determinar se essas variações exigem mudanças, incluindo ações corretivas ou preventivas. O plano de gerenciamento de custos deve incluir o que você medirá, quando e quanta variação entre o planejado e o real exigirá ações (seus limites de controle). 

Leia mais… »

Ferramenta para criar a WBS Work Breakdown Structure ou a EAP Estrutura Analítica do Projeto

 

A WBS é uma decomposição hierárquica orientada à entrega do trabalho a ser executado pela equipe do projeto para atingir os objetivos do projeto e criar as entregas necessárias. Ela organiza e define o escopo total do Projeto (PMBOK 2008).

 

A WBS está contida no processo Gerenciamento do Escopo (5.3).

Segundo o material preparatório da Rita Mulcahy existem diversas questões da prova de certificação do PMP que questionam a necessidade de elaboração da WBS.

Leia mais… »

GAPs Gerenciamento da Integração – Certificação PMP

GAPs da área de Gerenciamento da Integração – Certificação PMP

Hoje vou apresentar os gaps de conhecimento que eu encontrei na área de Gerenciamento da Integração.

Como método de estudo estou seguindo o livro da Rita na versão 6.

Abaixo alguns gaps do meu conhecimento na área de Gerenciamento da Integração:

Simulado 1 (43 questões)

1 Tentativa

34 questões corretas

80% de acerto

2 Tentativa

29 questões corretas

68% de acerto

Leia mais… »

FOCO NA ESCOLHA DO MATERIAL DE ESTUDO PARA A CERTIFICAÇÃO PMP.

PMI

 

A cada dia que passa a certificação PMP se torna mais necessária na vida de um Gerente de Projetos, eu já iniciei mais de duas vezes o estudo para a certificação, devido a diversos contratempos não consegui se quer chegar no capitulo de Comunicação.

Conversando com um amigo (Gerente de Projetos), o mesmo me explicou a importância da certificação PMP nos dias de hoje, confesso que só de pensar e ler novamente o PMBOK já me desanimava. Foi neste momento que decidi fazer um exercício, por que eu havia parado duas vezes o treinamento de certificação. Conclusão eu não seguia uma metodologia de estudo.

Eu tinha uma pasta no computador com aproximadamente 4GB de material, boa parte desse material era referente ao PMBOK 2000. Decidi então apagar todo o conteúdo da pasta e iniciar o estudo partindo dos seguintes materiais:

  • PMBOK 2008 ( emprestado)
  • Preparatório para o Exame PMP
  • Fast Track 6.0 baseado no PMBOK 4.

Pesquisando no google sobre a certificação PMP, descobri que o principal erro de muitos candidatos que são reprovados no exame é que não focaram seus estudos nos materiais recomendados, acabaram estudando materiais com metodologias diferentes por exemplo o material da Rita vs Kim Heldman.

A medida em que for progredindo no estudo vou atualizando o blog.

Fernando Kumasaka

 

Matriz de RACI ou RACIB?

Matriz de RACI

Recentemente tive que criar uma matriz de RACI, para formalizar os papéis e responsabilidades de alguns membros da equipe, como a elaboração de relatórios diários, semanais e mensais. Pesquisei um pouco sobre a Matriz e vi que hoje ela é utilizada pelos principais frameworks de TI como a ITIL e o PMBOK.

RACI é o acrônimo em inglês para: Responsible, Accountable, Consulted e Informed.
Responsible (Executor): Esta é a pessoa ou função responsável por executar a tarefa, isto é, a própria pessoa fazer o trabalho para completar a tarefa.

Accountable (Responsável): É a pessoa que é, em última instância, é a responsável pela tarefa que está sendo executada. É o responsável pela entrega do trabalho, mesmo que outras pessoas estejam executando.

Consulted (Consultado): São as pessoas consultadas cuja entrada é usada para completar a tarefa, assim, a comunicação com este grupo será de 2 vias.

Informed (Informado): São as pessoas que serão informadas sobre o status da tarefa. A comunicação é de mão única (ida).

Para criar uma matriz você precisa apenas seguir um regra “cada atividade deve ter um e somente um responsável”.

Quando comecei a criar a matriz me deparei com o seguinte problema:

– Se o Analista X faltar no dia da entrega da atividade 1, quem ira realizar atividade? Ou seja, o RACI era bonito no papel porem na prática já possuía alguns gaps.
Por mais que em alguns sites tenha encontrado artigos mencionando que poderia utilizar a sigla R2, R3, não ficava claro qual recurso o responsável pela atividade deveria cobrar as entregas.

Após alguns minutos tive a idéia de criar um novo “papel” Backup.

O backup nada mais é do que designar uma pessoa para ficar responsável por determinada atividade quando o executor da atividade não puder executá la.

Modelo abaixo.

Diante do cenário acima, consegui entregar a matriz de papéis e responsabilidade para cada atividade e designar um possivel backup, deste modo todas as atividades possuem duas ou mais pessoas para executar a atividade na falta do executor oficial.

Leia Também

 

Ferramenta para Criar Mapa Mental Free Online.

 

 

Ferramenta para criar a WBS Work Breakdown Structure ou a EAP Estrutura Analítica do Projeto

 

 

 

ScrumBoard. Aplicativo para gerenciar o seu projeto utilizando a metodologia do Scrum. Confira…